Na Vanguarda da Actualidade

Não gosto quando as pessoas não levam as bocas na desportiva. Não gosto quando elas não percebem que é a gozar, ficam picadas e começam a insultar à grande. Não gosto lá muito de sushi mas faço um esforço. Não gosto lá muito de tocar baixo mas faço um esforço. Não gosto nada do Di Maria, até joga bem mas é um grandesíssimo fiteiro. Não gosto de armadões nem de armadonas. Não gosto de alemães, espanhóis e franceses. Não gosto de pedintes porque me fazem muita pena. Não gosto de tarefas domésticas porque acabam sempre por interromper o que quer que seja que eu estou a fazer. Não gosto dos filmes do Harry Potter nem do Star Wars. Não gosto das pessoas que deixam o pão da pizza no prato. Não gosto das pessoas que usam os headphones ao contrário (auscultador direito na orelha esquerda e vice-versa). Não gosto do karma, tá-me sempre a lixar. Não gosto, aliás detesto, o Twitter apesar de nunca tenha tido uma conta. Não gosto quando me mandam calar. Não gosto de jogar à rabia porque simplesmente sou péssimo. (Acho que afinal) Não gosto de todo o tipo de música a começar pelo Ozzy Osbourne mas há uma frase dele que considero genial e que devia ter saído da minha boca: "Façotudo por uma boa gargalhada, menos ouvir os Smiths". Sebastião, gostos não se discutem, por favor tenta levar na desportiva.

publicado por Diogo Mota Silva às 16:42 | link do post

Gosto do Sporting e do Liedson. Gosto de pessoas de todas as cores, tamanhos e feitios. Gosto de escrever neste blog. Gosto de PS3 e de Modern Warfare. Gosto de tocar guitarra embora toda gente diga que eu não toco nada de jeito. Gosto quando me elogiam embora seja raro. Gosto da minha vida no geral, da minha família e da minha casa. Gosto de pessoas humildes, como eu próprio. Gosto de tocar numa banda, mais uma coisa que raramente acontece. Gosto dos meus amigos. Gosto do mundo no geral apesar de todas as guerras, da fome, da pobreza e do Sócrates mandar em toda a gente de quem eu gosto sem que elas não lhe terem feito nada de mal. Gosto de andar de mota, ir à praia, viajar e de insultar os meus amigos à vontade por que eles levam tudo na desportiva (acho eu, espero eu, porque senão tou f*****). Gosto do Facebook e de todos os meus "amigos" do Facebook. Até gosto da Lady Gaga e acho que as pessoas não devem dizer que ela é uma "freak" só porque ela "usa" cabelo, carne e outras tantas coisas (que não vou listar porque a lista é interminável). (Acho que) Gosto de todo o tipo de música mas esta banda está na minha lista de favoritas.

PS: A parte 2 fica para outro dia.

publicado por Diogo Mota Silva às 15:13 | link do post

Caros leitores/ouvintes/seguidores,

Já não sei há quanto tempo não escrevo (4 meses e 22 dias) e também não se por quanto tempo vou parar depois deste(s) post(s). Para ser sincero, não me ralo muito porque sei que há certas pessoas que não escrevem à bem mais tempo do que eu. Não vou mencionar nomes (Tomás e Francisco). Por isso decidi brindar-vos duplamente com a minha presença com dois posts de puro génio, tal como o último. obrigado, mais uma vez, por disponibilizarem uma réstia do vosso tempo para ler todas estas baboseiras que se encontram escritas nas frases acima. Por isso (já é a segunda vez que uso esta expressão hoje, já não tenho idade para isto), caros leitores/ouvintes/seguidores eu digo: "Obrigado".

publicado por Diogo Mota Silva às 14:54 | link do post
Já estamos todos fartos de ouvir que uma coisa é tipicamente portuguesa. E embora às vezes diga coisas parecidas ( usar nacionalidade para fins cómicos por exemplo ) acho que as pessoas usam a expressão " tipicamente português" ou " mesmo à portuguesa" em demasia. Penso também que muitas das coisas que as pessoas dizem ser "aportuguesadas" são na verdade, coisas que não têm nada a ver com Portugal. E aí fica a dúvida. Por exemplo, quando na série animada americana "Family Guy" o pai da família diz " Ainda bem que contratei estes portugueses para me ajudarem na pescaria", será que está a insultar ou a apenas constatar que Portugal foi em tempos uma grande potência no ramo da náutica ( sim eu disse ramo da náutica)? Claro que se pensarmos um bocado, sendo esta série humorística e principalmente AMERICANA ( país veterano em gozar com os outros, especialmente em séries animadas) podemos presumir que provavelmente estavam gozar connosco. Mas agora outro exemplo. Já não me lembro em que episódio, mas recordo-me que numa cena da 5ª temporada da série ( curiosamente também americana ) "Os Sopranos" a mulher diz para o marido " Os outros não me conseguiram arranjar os canos" ( no sentido literal) " mas desta vez contratei uns portugueses para ver se me conseguem arranjar isso. O povo deles é mesmo empenhado". Já vi isto há dois anos atrás por isso não sei se a tradução é a mesma ou se a frase está exactamente igual, mas o fundamental está lá. Aqui não existe discussão em relação ao significado, por isso nem vou explicá-lo não por ser 1 da manhã mas por ser demasiado óbvio e vocês já estão a pôr em consideração desligar o computador ou fechar esta janela. Por isso vou ao que interessa. Se os Sopranos dizem que Portugal é um país trabalhador, então porque é que há outros que dizem que os portugueses são todos um bando de preguiçosos? E o que mais me surpreende, é que não são só os americanos que a única coisa que sabem de Portugal é o Cristiano Ronaldo. Não senhor. Até os nossos o dizem. Sim, falo de portugueses, que agora não tenho a certeza se são portugueses " de verdade " como dizia o outro. Pois, porque português que é português não critica os seus, mesmo que estejam tremendamente errados.
publicado por Sebastião Marques Lopes às 00:30 | link do post
pesquisar neste blog
 
Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

Outubro 2010
Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab
1
2
3
4
5
6
7
8
9
10
11
12
13
14
15
16
17
18
19
20
21
22
23
24
25
26
27
28
30
comentários recentes
LOL, confesso que já gostei mais de ser um gajo do...
Boa tarde caro camarada blogger, ainda no outro di...
o que é vexanços?
No meu grupo acontecia-me a mesma coisa com o "ouv...
Gosto muito :) e sinto que por muito que os homens...
O natal pode ser feliz, porque é só um ou dois dia...
Falha é no epíteto da SENHORA que, elegante e conh...
"acho que é durante a adolescência que conhecemos ...
Prevejo uma vida cheia de surpresas, nem sempre ag...
Bom...o primeiro passo rumo aos destaques, está da...
Posts mais comentados
10 comentários
9 comentários
7 comentários
3 comentários
3 comentários
2 comentários
2 comentários
subscrever feeds
SAPO Blogs